Como apostar na Premier League 2020/21

Confira como fazer as suas apostas na Premier League

A Premier League, primeira divisão do Campeonato Inglês, é uma das principais ligas de futebol de todo o mundo, sendo considerada a mais disputada, organizada e rica.

Com todo o seu glamour, diversas equipes se candidatam para o título e a disputa por vagas em competições internacionais, e isso resulta em clubes com muitos craques.

Por todos esses diferenciais, o mundo das apostas esportivas também fica de olho na Premier League, que é uma competição disputada em 38 rodadas, sendo 10 duelos em cada uma delas, um ótimo número que traz infinitas possibilidades de entradas.

Quais os maiores vencedores da Premier League?

O maior campeão inglês é o Manchester United, com 20 títulos, seguido de perto pelo Liverpool, com 19. Fechando o top 5, aparece o Arsenal, com 12, Everton, com nove e o Aston Villa, com sete.

O Manchester City e o Chelsea tem seis conquistas, e a lista segue bem extensa. Para destacar os “maiores” da atualidade, o Tottenham tem dois e o Leicester City tem um título.

Leia também do Lance! – KTO, um passo além na emoção do esporte

Como apostar na competição?

Existem variadas opções de apostas na competição. Por exemplo, é possível fazer entradas futuras, apostando em quem será o campeão ao final da temporada.

Outras opções são as entradas em cada duelo, onde é possível optar pelo vencedor de um dos tempos ou da partida; mercado de gols; de cartões; escanteios; e até mesmo laterais e tiros de meta.

O handicap, opção muito utilizadas nas apostas, também é bem visto na Premier League, assim como a dupla possibilidade e a opção empate anula.

São infinitas possibilidades de entradas nos duelos da competição, variando de acordo com o gosto e perfil de cada apostador.

Quem são os favoritos da Premier League?

Atual campeão com uma campanha história, o Liverpool de Jürgen Klopp é um dos cotados para vencer mais uma vez, faturando o seu 20º título inglês.

Porém, a concorrência é grande, e podemos apontar pelo menos mais três clubes com chances reais.

O Manchester City, de Pep Guardiola, é apontado como o principal rival na briga pelo título. Desde a venda do clube para um grupo árabe, a equipe investiu pesado, buscando grandes nomes no mercado e se tornando em uma potência mundial.

Correndo por fora, aparece o Manchester United, que aposta em jogadores como Pogba e Bruno Fernandes, mas que ainda não se encontrou.

Além dos Diabos Vermelhos, temos Chelsea, que se movimentou bem, contando com Thiago Silva, Timo Werner e Kai Havertz como principais novidades.

Também não podemos descartar o Tottenham, de José Mourinho, e o Arsenal, de Arteta, mas essas duas equipes devem se limitar apenas na briga pela vaga na Champions League.

Qual mercado é interessante?

A Premier League tem um “Big Six”, com Arsenal, Chelsea, Liverpool, Tottenham, e os rivais de Manchester.

Podemos unir a eles o Everton e o Leicester, como as oito principais forças da competição. Essas equipes, quando duelam contra as outras 12, serão favoritas na maioria dos casos, portanto, o mercado das vitórias se torna bem atrativo.

Quando eles se enfrentam, é legal ficar de olho sempre em duas opções: a dupla possibilidade casa ou empate, além do mercado empate anula, que deve trazer valores interessantes.

Outro mercado bacana, em modo geral, é o de gols, já que a Premier League tem ótimas médias. Por exemplo, na última temporada, foram 1034 bolas nas redes em 380 partidas, uma média de 2,72 por jogo. Um ano antes, o valor foi ainda maior, com 2,82 de média por confronto.

Com esses números, chegamos a duas boas opções de entradas, que são: acima de 0,5 gols no primeiro tempo do duelo, além de acima de 1,5 gols por partida.

Todas essas são ótimas opções, mas jamais se esqueça de fazer análises prévias de cada confronto, pois em caso de lesões e situações extracampo, tudo pode mudar.